Migo

Migo

Sinopse

Na qualidade de pensador que não se ajustava às classificações mais corriqueiras, Darcy Ribeiro concebeu seu último romance de maneira surpreendente. O âmago desta viagem ficcional gira em torno de um personagem que guarda uma proximidade inquestionável com seu autor. Ageu Rigueira, nascido no interior de Minas Gerais, arvora-se a tentar a vida na capital, Belo Horizonte, ambiente mais apropriado para sua aspirações intelectuais de escritor. O leitor tem à sua disposição a encantadora história de uma vida intensa, narrada pelo próprio Ageu, na qual ele pinta saborosamente com detalhes seus amores, seus medos, suas angústias, seus sonhos e, acima de tudo, suas utopias.

Autor

Darcy Ribeiro nasceu em Montes Claros, Minas Gerais, em 26 de outubro de 1922. Formado em Ciências Sociais pela Escola de Sociologia e Política de São Paulo em 1946, Darcy construiu uma brilhante carreira intelectual de projeção internacional, notadamente nos campos da antropologia, etnologia e educação. Além de ter sido um estudioso do modo de vida dos povos indígenas, Darcy os defendeu arduamente. Em 1954, organizou no Rio de Janeiro o Museu do Índio, o qual dirigiu até 1957. Também em 1954, elaborou o plano de criação do Parque Indígena do Xingu, situado ao norte do estado de Mato Grosso. Darcy Ribeiro destacou-se como escritor, educador e político, além de ter sido figura presente nos momentos centrais da história brasileira da segunda metade do século XX. Foi ministro-chefe da Casa Civil do governo João Goulart (durante o qual foi também ministro da Educação) e foi eleito vice-governador do Rio de Janeiro em 1982. Neste período, foi concomitantemente secretário de Estado da Cultura e coordenador do Programa Especial de Educação, com a missão de implantar 500 CIEPs no Estado do Rio de Janeiro. Exerceu papel central na fundação da Universidade de Brasília, em 1962, da qual foi o primeiro reitor. Foi senador da República entre 1991 e 1997 e membro da Academia Brasileira de Letras. Faleceu em Brasília em 17 de fevereiro de 1997.